Agenda

Novidades

Fale conosco

 

PROJETO VALORES: CENTRO DE ENSINO DORGIVAL PINHEIRO DE SOUSA.

segunda-feira, 28 de maio de 2012

Abertura do evento: Jeassimonne  Paulino,
gestora geral do CE Dorgival Pinheiro

Professora Eunice durante sua fala

Professores e alunos atentos à palestra

Adalberto Franklin, palestrante convidado

  Construindo Valores - Ética, com Adalberto Franklin 

Adalberto Franklin ladeado pelas gestoras e
 professoras da escola

Adalberto Franklin ao lado da professora Eunice,
junto a outros educadores do CE Dorgival Pinheiro

Parabenizamos a Professora Eunice e os alunos do turno noturno pela organização e participação na palestra:  Construindo Valores - Ética, com Adalberto Franklin. 


A escola é um espaço social privilegiado nas construções do conhecimento e ela precisa trabalhar com o conhecimento científico, histórico e humano. Não há como crescer no cognitivo se não houver a relação entre as pessoas.



Educar. Tarefa das mais difíceis!  Como se preparar na vida e para a vida? 

Todo ser  humano tem suas crenças e com base nelas seus pensamentos e sentimentos, que culminam nas atitudes.  Acredita-se numa sociedade mais humana e justa, sem preconceitos, em que os cidadãos atuem compromissados com o bem comum.  A escola se tornaria vazia e ineficiente se  omitisse de resgatar certos valores "adormecidos" na consciência humana. Por esse motivo, torna-se essencial refletir o mundo atual, fortalecer e renovar as "crenças", inserindo no processo educacional valores que possibilitem a formação integral de nossos alunos.

Texto: Jeassimonne Paulino de Carvalho Rocha
Fotos: Divulgação

PRÊMIO FUNDAÇÃO TELEFÔNICA 2012

quinta-feira, 17 de maio de 2012



Premios

Você também pode ser ganhador do Prêmio Fundação Telefônica 2012!

Eles conseguiram e você ainda tem tempo de participar. Lembre que ainda pode se inscrever no Prêmio Fundação Telefônica de Inovação Educativa 2012. Até 20 de maio permanecerá aberto o período de inscrição. O Prêmio dará visibilidade aos seus trabalhos de integração das TIC na sala de aula e, portanto, se resulta ganhador, não só ganhará você; ganharemos todos.
Vamos a Lima!
Eles foram a Lima
Além dos presentes materiais, os primeiros prêmios de cada modalidade e categoria serão convidados ao VII Encontro Internacional de Educação que terá lugar em Lima (Peru) no próximo novembro. Um encontro onde convergirão conhecimento, ilusões e tecnologia da mão daqueles que geram esse conhecimento no aluno: os docentes.


A Comunidade te ajuda
Lembramos que através de nossa Comunidade de aprendizagem você pode obter toda ajuda que precisar sobre o processo de inscrição, a modalidade ou categoria; conhecer as ferramentas que pode usar para apresentar seus trabalhos ou simplesmente para fazer alguma pergunta pontual aos nossos professores referência. Professores Referência. Aproveite este espaço que foi desenhado para você. ¡Anime-se a participar!
Premio Fundación Telefónica de Innovación Educativa Edición 2012

SEMEANDO LEITURA

O CE Edison Lobão, escola da rede estadual localizada no Parque Anhanguera, está atualmente envolvida em um projeto de leitura com seus alunos, onde não só os textos literários tem vez, mas as imagens (artes plásticas), o teatro, o cinema (projeto Curta a Imagem Negra),  o Cordel e a música também se fazem presentes. O projeto “Semeando Leitura” é realizado graças ao empenho, apoio, participação e envolvimento de todos da comunidade escolar, em especial, os professores da área de ciências humanas.
Professora Eró Cunha e a Bibliotecária da escola


No dia 16 de maio, a escola recebeu a visita das coordenadoras do Setor pedagógico da  Unidade Regional de Educação de Imperatriz, Rai Sá (Coord. Pedagógica)  e Josefa Rodrigues (Livro Didático), que juntas reforçaram para todos a  necessidade  e importância da leitura significativa, destacando a  relevância do projeto Semeando a Leitura. 
Coordenadora Pedagógica da UREI, Rai Sá,
durante sua fala com alunos


Estudantes, educadores, gestores, coordenadores, bibliotecárias, todos estão envolvidos nessa proposta de leitura, que ora se inicia dentro deste espaço escolar, mas visa ultrapassar essas paredes e chegar à comunidade em geral.
Josefa Rodrigues (Livro Didático), Graça Saraiva e Rosa Dourado (gestoras escolares) , professores, coordenadores, bibliotecária e alunos: todos juntos no projeto de leitura


Texto: Eró Cunha e Cida Marconcin
Fotos: Divulgação

DESMATAMENTO ZERO: ASSINE



PROJETO VALORES: CE DORGIVAL PINHEIRO

quarta-feira, 16 de maio de 2012

 PARTILHANDO VALORES...

       


Trabalhar valores é algo que não é visível e imediato. Ninguém viu um átomo,assim como ninguém viu a alma e, no entanto, as grandes energias estão presentes; às vezes nas menores partículas. 

Os valores se constroem no convívio com o outro, nas ações do dia-a-dia, e, nós, Educadores, precisamos, além de dedicar a atenção a determinados valores no momento e na hora certa, assumir esse compromisso com o coração e com a ação. 


É fundamental planejarmos atividades específicas para refletir junto aos alunos sobre o comportamento humano, sem apontar o defeito do outro, e oportunizarmos que cada um se "olhe" e se expresse, trazendo exemplos de situações vividas para uma discussão. Isso é agir em prol do bem-comum, é papel que cabe a cada um de nós.



Esse diferencial do Centro de Ensino Dorgival Pinheiro de Sousa na formação do cidadão é comprometimento com o social. Temos de fazer valer cada gesto e palavra nossa, lembrando que todos somos Educadores (o professor, o zelador, o segurança, o pai, o amigo...).



Parabenizamos a Professora Ana Tereza pelo belo trabalho desenvolvido com os alunos do Turno Matutino, do Centro de Ensino Dorgival Pinheiro de Sousa (Imperatriz-MA)

Texto: Jeassimonne Paulino de Carvalho Rocha  (Gestora Geral)
Imagens:  Divulgação

Concurso Oswaldo Montenegro - Giz de Cera

sexta-feira, 13 de janeiro de 2012

Este vídeo foi produzido por mim para participar do Concurso Oswaldo Montenegro. Assistam e estarão colaborando para meus votos no Juri Popular... abraços e obrigada pelo apoio. Se quiser, sintam-se livres para ajudar na divulgação. O vídeo tem arte e atuação de meu filho Átila Marconcine (11 anos).





Conteúdos Educacionais

sexta-feira, 18 de novembro de 2011

Faça a Pesquisa Escolar Parceiros na Aprendizagem e descubra se a sua instituição é inovadora!
Conheça o Windows Live Writer!
Educação na Nuvem - Live@edu
Pesquisa Escolar Parceiros na Aprendizagem

VIVALEITURA 2011 - CONVITE

terça-feira, 8 de novembro de 2011



Prêmio Vivaleitura 2011 Prêmio Vivaleitura 2011 Instituto Embratel

Faça sua inscrição: 1º Encontro EJA Digital

terça-feira, 1 de novembro de 2011



Olá,
Gostaríamos de convidá-lo para conhecer e comemorar conosco as conquistas dos alunos da Educação de Jovens e Adultos (EJA), durante a realização das atividades do Programa EJA Digital.
O EJA Digital é um programa de emancipação digital, com um currículo que aborda competências digitais  para os alunos da EJA. As ações acontecem por meio de um  ambiente online, formação presencial e acompanhamento pedagógico dos professores facilitadores responsáveis pelo atendimento aos alunos.
Esta iniciativa é reconhecida pelo Ministério da Educação e recomendada no Guia de Tecnologias Educacionais, por conta da avaliação realizada pelo MEC do trabalho realizado no município de Santo André.
No evento que promoveremos, discutiremos as melhores práticas do programa, sucessos e desafios da iniciativa e terão a oportunidade de debater também com pessoas de outras secretarias interessadas em ampliar as ações de atendimento aos alunos da EJA. Lançaremos também a revista EJA Digital: na era do Conhecimento em rede, com os vários relatos de experiência, feito por alunos e educadores envolvidos no programa.
O evento é totalmente gratuito. Saiba mais e confirme sua inscrição, por meio do link: www.institutoparamitas.org.br/eja 


Atenciosamente,
Instituto Paramitas

Semana Expressão Jovens Urbanos

Conferência "Um olhar sobre a literatura africana"

terça-feira, 6 de setembro de 2011

 El Hadji Amadou Ndoye

O Centro de Cultura Negra Negro Cosme convida a comunidade imperatrizense para a Conferência "Um olhar sobre a literatura africana", com o dr. Ndoye El Hadji Amadou, da Universidade Cheik Anta Diop, Senegal - Dakar. 

Data: 06/09/11
Horário: 19h.
Local: Auditório da UFMA.
 
Participe.
 

V FECITEC: Uma Feira de Ciência de sucesso no Sul do Maranhão

Texto e fotos por Cida Marconcine


De 29/08 a 03/09, aconteceu no ginásio da Unidade de Ensino Superior do Sul do Maranhão (Unissulma – Jardim Cristo Rei), a V Feira de Ciência e Tecnologia do Sul do Maranhão (FECITEC), que é uma realização do Núcleo de Divulgação Científica da Região Tocantina, tendo como um dos parceiros a Unidade Regional de Educação de Imperatriz (UREI).

Joelbe Mendes, coordenador da V Fecitec, durante abertura
Vários projetos científicos participaram desta grande Feira, entre instituições públicas, particulares, sendo 3 as categorias participantes: Fecitec Junior (alunos de 6, 7 e 8º anos do Ensino Fundamental; Fecitec (alunos do 9º ano do Ensino Fundamental, Ensino Médio e Técnico; Fecitec Señor (alunos de graduação).

Escolas de diversos estados brasileiros, além de outros países, como o México e Colômbia, marcaram presença na V Fecitec, dentre estas, claro, as escolas de Imperatriz em peso também participaram.

Alexandre Passos, presidente do Núcleo de Divulgação Científica
do Sul do Maranhão, durante abertura da V Fecitec

Dentre as escolas públicas de Imperatriz, destacamos o projeto Materiais Alternativos como Instrumento de Ensino e Aprendizagem em Química: uma abordagem construtivista na experiência formativa do acadêmico do Ensino Médio, dos alunos do CE Edison Lobão, Carlos Pereira Martins e Emily Ferreira Soares, tendo como orientador o professor Zilmar Timoteo Soares.

Alunos do CE Edison Lobão, Carlos Martins e Emily Soares,
e o orientador  Zilmar Timoteo Soares 
Outro projeto muito relevante é o das alunas Ana Karoline Bezerra de Souza, Aiara Bárbara Silva Martins e Karina Marques Rodrigues, do CE Caminho do Futuro, sob a orientação do professor Roberto Peres (Química), Peixe Livre, que busca catalogar e criar em cativeiro (criatórios) os peixes que correm risco de extinção no Rio Tocantins.

Alunas do projeto Peixe Livre, do CE Caminho do Futuro
O Colégio Militar (antigo CE Jonas Ribeiro) também participou da Fecitec com dois projetos: “Desenvolvimento de recursos computacionais para análise e interpretação parabólica das funções quadráticas, utilizando o Maple, visando melhoria no processo ensino aprendizagem”, da aluna Laryssa de Sousa Camelo, tendo como orientador o professor Gesivaldo de Sousa Silva; e “O perfil da sexualidade no Colégio Militar Tiradentes”, da aluna Liana Nascimento Macedo, sendo orientada por Luciana Maria Sousa de Alencar.
Laryssa de Sousa Camelo, aluna do Colégio Militar Tiradentes
Liana Nascimento Macedo, aluna do Colégio Militar Tiradentes
A escola Dorgival Pinheiro de Sousa, como todos os outros anos, também marcou presença nesta Fecitec, com o projeto “Violência contra a mulher: da literatura à vida real – uma análise crítica  comparativa do conto A Cartomante de Machado de Assis com a Lei Maria da Penha, da aluna Marília Vania Ribeiro Barrosa, tendo como orientadora Iodete Elias Pereira e co-orientadora Socorro Bezerra de Freitas.

Aluna Marília Vania Ribeiro Barrosa,
do CE Dorgival Pinheiro
A Escola Municipal Camaçari este ano trouxe dois projetos científicos para a Fecitec: “A importância nutricional das frutas de quintal: açaí, banana, buriti, caju, mamão e manga: um estudo realizado no povoado Camaçari – Imperatriz – MA”, com as alunas Bruna Ingrid Soares Vieira e Israela Cristina Silva Santana, tendo como orientadora Charlene Oliveira da Silva; e “Tabu para a informação: para o sexo não. Por quê? Quebrando tabu na luta contra a Aids”, das alunas Gisele Pereira de Melo e Layla Lopes da Silva, também na orientação de Charlene Oliveira.

Alunas Bruna Ingrid Soares Vieira e Israela Cristina Silva Santana,
com a  professora Alessandra Carvalho
Gisele Pereira de Melo e Layla Lopes da Silva,
orientadas pela professora Charlene Oliveira
O Ifma (Instituto Federal do Maranhão) participou e se destacou na V Fecitec com vários projetos inovadores na área de robótica, construção civil (Edificações), química (meio ambiente) e arte (Ifma de Açailândia).

Projeto de robótica do Ifma sendo demonstrada
para a professora Alessandra Carvalho (CE Graça Aranha)
Projeto de Edificações do Ifma:
adição de plástico ao concreto para pavimentação
Victor Brandão Gonçalves, pesquisador
e um grande artista (Ifma-Açailândia)
Durante toda a V Fecitec, aconteceu a exposição dos Desenhos Afro, participantes do último concurso promovido pela Ceiri (Coordenação da Educação da Igualdade Racial de Imperatriz/MA.
Exposição Desenhos Afro, na V Fecitec
Exposição Desenhos Afro, na V Fecitec
Os projetos da Universidades também participaram da Fecitec, como a Uema, Ufma, Fest, Unissuma, Fabic (Tocantins) entre outras.

Pesquisadores Leiliane Cavalcante e Cleber Gomes
da Fabic (Faculdade do Bico do Papagaio)

Orientador Iron Vasconcelos, Ana Letycia Araújo
 e a professora Cida Marconcine (Avaliadora)
Alunos da rede pública estadual
 presentes na V Fecitec

Veja mais fotos AQUI

I Momento Presencial: Educação para a Diversidade

quinta-feira, 28 de julho de 2011

Esta primeira aula do curso Educação para a Diversidade, realizada em 28/07, oportunizada pela Universidade Federal do Maranhão (Ufma), em parceria com a Universidade Aberta do Brasil (UAB) foi muito proveitosa.

Prédio onde funciona o polo UAB, em Imperatriz

Pela manhã, a explanação sobre o Histórico da Educação à Distância (EaD), e todas as conceituações teóricas necessárias desta modalidade, assim como os papéis de tutores, alunos e professores, feita pelo professor Nestor Almeida (São Luís) foram esclarecedoras e necessárias para dar um suporte básico ao curso que acontecerá na modalidade EaD.

Professor Nestor Almeida em sua explanação

Aliado a isso, à tarde, com as orientações seguras do professor Marcelo Monier, uma aula descontraída sobre o ambiente virtual de aprendizagem Moodle, uso de fórum de discussão, editor de texto, exportação de arquivos em pdf e envio de atividades ao ambiente do curso foram algumas atividades práticas realizadas dentro do AVA do curso, no Laboratório de Informática da UAB, em Imperatriz (MA).
Professor Marcelo Monier, durante sua aula

A tutora presencial Conceição Amorim, presente também a este primeiro momento presencial, repassou as primeiras informações e direcionamentos aos cursistas, que a partir de agora irão realizar as leituras e atividades à distância, mas se colocando à disposição para as dúvidas e suporte presencial no polo da Universidade Aberta do Brasil (UAB), na cidade de Imperatriz (MA).
Tutora presencial Conceição Amorim e a cursista Cida Marconcine

Este curso faz parte da Rede de Educação para a Diversidade, que é um grupo permanente de instituições públicas de ensino superior dedicado à formação continuada de profissionais de educação, sendo que o objetivo é disseminar e desenvolver metodologias educacionais para a inserção dos temas da diversidade no cotidiano das salas de aula, como relações étnico-raciais, gênero e diversidade, formação de tutores, jovens e adultos, educação do campo, educação integral e integrada, ambiental e diversidade e cidadania.

Veja mais fotos CLICANDO AQUI